Autismo Projeto Integrar APK

Autismo Projeto Integrar  Icon
    
4.5/5
32 Ratings
Developer
Maico Krause
Current Version
1.0.4
Date Published
File Size
13.1 MB
Package ID
poder.ufac.br.autismoprojetointegrar
Price
$ 0.00
Downloads
10000+
Category
Android Apps
Genre
Education

APK Version History

Version
1.0.4 (6)
Architecture
universal
Release Date
August 10, 2018
Requirement
Android 4.0.3+
Version
1.0.3 (4)
Architecture
universal
Release Date
August 15, 2017
Requirement
Android 4.0.3+
Version
1.0.2 (3)
Architecture
universal
Release Date
November 26, 2016
Requirement
Android 4.0.3+
Version
1.0.1 (2)
Architecture
universal
Release Date
July 05, 2016
Requirement
Android 4.0.3+
  • Autismo Projeto Integrar Screenshot
  • Autismo Projeto Integrar Screenshot
  • Autismo Projeto Integrar Screenshot
  • Autismo Projeto Integrar Screenshot
  • Autismo Projeto Integrar Screenshot
  • Autismo Projeto Integrar Screenshot

About Radio FM 90s

O Aplicativo Autismo Projeto Integrar tem o objetivo de auxiliar pessoas com Transtorno do Espectro Autista (TEA) na organização de suas Atividades da Vida Diária através do apoio audiovisual dos desenhos roteirizados do site Autismo Projeto Integrar , idealizado por Adriana Godoy e Neimer Gianvechio.

Este aplicativo possui desenhos sobre comportamento, higiene e uso do banheiro e permite o cadastro do mural "Meus Compromissos" com atividades representadas em desenhos roteirizados que indicam o passo a passo de como será a rotina da pessoa com TEA, exibindo uma agenda com as atividades do dia.

Para mais informações sobre a pesquisa que originou esse aplicativo, acesse www.maicokrause.com.

Como utilizar o Aplicativo Autismo Projeto Integrar?
Para a execução das atividades, é muito importante que os pais ou cuidadores não façam as atividades pela pessoa com TEA, mas que a ajudem a fazer as atividades, para que fique claro que é ela quem deve agir e não apenas ser espectadora da situação. Esta ajuda pode ser através de apoios, como por exemplo, segurar nas mãos da pessoa com TEA por trás, como se você fosse um braço mecânico que a ajuda a fazer a atividade. O nível ou a quantidade de apoios utilizados depende de como a pessoa com TEA já consegue realizar a tarefa e, espera-se que com o tempo, a pessoa com TEA demonstre maior segurança ao realizar aqueles movimentos e seja possível ir reduzindo, aos poucos, a quantidade de apoio utilizado. Então, caso a pessoa com TEA demonstre que já consegue fazer algumas coisas sozinha, pode-se retirar gradualmente as dicas e apoios de acordo com o que a pessoa com TEA vai aprendendo a fazer os movimentos. Assim, ao invés de segurar nas mãos da pessoa com TEA para ajudá-la, segure em seus pulsos. Depois somente nos cotovelos, até que a ajuda necessária para que ela realize a tarefa com autonomia seja a menor possível. Vá dosando a retirada dos apoios, caso sinta que a pessoa com TEA regrediu, volte ao estágio anterior. Não estabeleça um tempo para que o aprendizado ocorra, cada ser humano é único e tem um tempo diferente de aprendizado.

Antes de iniciar a atividade, pode-se fazer uma fase de preparação, mostrando todos os quadros da atividade, contando uma história de como vai ser a atividade, inclusive pode-se fazer essa fase já no ambiente onde será a ação. Após essa fase de preparação, pode-se chamar a pessoa com TEA para fazer a atividade realmente, fazendo o passo a passo como descrito a seguir.

Ao realizar o passo-a-passo das atividades junto com a pessoa com TEA, faça-a ter contato visual com o desenho do aplicativo, depois ajude-a a fazer aquele passo descrito no desenho, narrando de forma pausada, usando somente as palavras relacionadas à atividade e reforço positivo (recompensa, “parabéns”), evitando falar coisas que mudem o foco da atividade, como “fique quieto” ou “pare de pular”.

As atividades devem ser feitas todos os dias com o apoio das imagens do aplicativo e sempre que for fazer aquela atividade, recomenda-se que seja com o apoio do aplicativo. Por exemplo, se a pessoa com TEA está utilizando o apoio do aplicativo quando for lavar as mãos, sempre que ela for lavar as mãos ela irá esperar pelo apoio do aplicativo, por isso é importante manter a regularidade no uso do apoio visual.

É importante ajudar a pessoa com TEA a se reconhecer no desenho, para isso você pode utilizar os desenhos para lhe narrar uma ‘historinha’, em que a pessoa com TEA é o personagem principal e realiza as ações descritas no quadro.

Também pode-se utilizar o apoio do desenho para ajudar a pessoa com TEA a interpretar a situação, fazendo-lhe perguntas (mesmo que ela seja não-verbal) como: “o que o personagem do desenho está fazendo?” “O que vem primeiro?” “Qual a ordem?”.
Sempre que a pessoa com TEA conseguir fazer uma atividade, deve-se lhe dar um ‘reforço positivo’, ou seja, fazê-la sentir que conquistou alguma coisa, que adquiriu um novo conhecimento.

What's New in this version

- Atualização da Política de Uso;

- Novos Desenhos Roteirizados: Comer um Novo Alimento, Neurologista, Hoje tem Terapia, Despir e Vestir Masculino;

- Instruções de uso do aplicativo;

- Interface melhorada.